segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Como o Big Data e a Inteligência Artificial podem ajudar a evitar fraudes?


Olá! Sou Marcelo, diretor da Montax Inteligência. Nesse artigo vou falar sobre o BIG DATA.

Quer aprender algo sobre um fenônemo da Era Digital que tem economizado tempo e dinheiro de muitas pessoas e empresas?

Conheça o Blog da Montax e leia outros artigos sobre Inteligência & Recuperação de Ativos.

O que é BIG DATA?


BIG DATA em Inglês que significa “Dados Grandes” ou “Megadados”, termo que designa uma enorme quantidade de dados e informações disponíveis no universo web/Internet. A expressão foi cunhada pela primeira vez pelos pesquisadores da NASA, Michael Cox e David Ellsworth, em 1990. Um trocadilho com o personagem "Big Brother" do romance "1984" de George Orwell. 

Se a Internet é um fenômeno recente, de praticamente 20 anos, o BIG DATA é consequência desse fenônemo. O BIG DATA é uma das maiores vantagens da Internet. O BIG DATA geralmente é acessado por softwares robôs de Inteligência Artificial, golens modernos da chamada Era Digital.  


Big Data e Inteligência Artificial ameaçam a humanidade? 
Máquinas humanóides da ficção seriam os softwares robôs da realidade da Era Digital?
Assista o vídeo e reflita sobre o tema tão controverso na atual crise de emprego.

Para exemplificar melhor, temos que voltar no tempo, naquela época em que éramos crianças e não havia Internet, poucos estabelecimentos comerciais tinham computadores e quase tudo era feito no papel. Quando um cliente entrava no banco ou em uma loja, o atendente o entregava uma formulário, uma “ficha” para você preencher com seus principais dados cadastrais como nome completo, CPF, endereço, telefone, profissão, nome do empregador, renda média mensal (alguns casos), pessoas de referência e respectivos telefones de contato etc.

A temida “ficha” na polícia era assim, só que, nesse caso, o cadastro era negativo.

Com a popularidade dos computadores pessoais, esse dados passaram a integrar planilhas eletrônicas, fichas em arquivos digitais. Com a Internet, não somente esses dados passaram a ser coletados em sites e e-mails de contato (mala direta) como também passaram a ser disponibilizados on-line, on-time e full-time: Para economizar tempo e dinheiro, muitas empresas criaram websites e softwares robôs que substituíram os humanos nas tarefas repetitivas de pedir dados pessoais, oferecer produtos, cobrar e prestar serviços de informação diversos. E exercer vigilância sobre seus clientes...


Cartaz do "Big Brother", personagem do romance de George Orwell "1984" publicado em 1949.
Teria o autor previsto o Big Data?

Os serviços de cartórios judiciais são o maior exemplo disso. Se antes o cidadão distribuía uma ação judicial contra alguém ou alguma empresa ou respondia um processo judicial, tudo era feito “no papel” e somente com a visita pessoal dele ou seu Advogado ao cartório tinha acesso aos autos. Atualmente, não somente tudo isso é realizado de forma eletrônica, digital, como qualquer cidadão pode acessar informações de terceiros na Internet.

Isso me lembra as pesquisas acadêmicas que antigamente nos levava às bibliotecas enormes e mofadas em busca de livros raros sobre assuntos desconhecidos dos nossos pais. A Internet e seus sites colaborativos como a Wikipédia reduziram despesas com tempo e transporte.


Visualização pelo software robô Pearle da IBM de suas edições na Wikipédia demostra mais informação por cores e posição.

Mas, o que tudo isso tem a ver com o BIG DATA?


Ora, se antes tínhamos que peregrinar em busca de uma informação e, com a Internet, pudemos ter acesso à mesma informação sem sair de casa, com o BIG DATA é possível ter acesso simultâneo a vários dados, metadados e informações acerca de uma pessoa ou empresa e ainda extrair desses megadados um insight, ideia ou visão-geral sobre o objeto da pesquisa.

O website que melhor ilustra essa gama de possibilidade é o buscador Google, além dos sites dos cartórios judiciais dos Tribunais de Justiça de todo País e listas telefônicas on-line diversas.

O desafio é identificar quais sites geram resultados mais relevantes para as funções de minha pesquisa, Compliance & Mitigação de Riscos de fraudes (prevenção) ou Busca de Ativos & Investigações.

Mas afinal. O que é Compliance?


Do Inglês “to comply”, cumprir, Compliance é o cumprimento de normas para a manutenção da empresa em funcionamento. Os colaboradores têm o dever de cumprir as normas cíveis, fiscais, trabalhistas, previdenciárias, ambientais para evitar multas legais. E cumprir normas internas de produção, vendas e cobranças de clientes para evitar prejuízos financeiros. Prevenir produtos com defeito ou negócios com fraudadores.

Simples consultas na Internet e BIG DATA caseiro podem reduzir riscos corporativos?


Algumas consultorias de risco especializadas na prevenção de fraudes e recuperação de créditos como Serviços de Proteção ao Crédito (SPC), Serasa Experian, Equifax, Dun & Bradstreet e outras oferecem serviços de informação de negócios. Mas, com o advento da Internet e do BIG DATA ficou muito fácil acessar informação relevante.

Exemplo nº 1: Sou dono de um posto de combustíveis e, consultando o nome completo ou CPF de um cliente na Internet, uma ou duas bases de dados (fontes), confirmo que ele tem uma empresa de terraplenagem e descubro que tanto ele quanto sua empresa respondem algumas ações judiciais de cobrança. Algumas delas de autoria de bancos e administradoras de cartões-de-crédito, o que não é incomum no Brasil devido a crise econômica. Porém, a partir do acesso a vários bancos de dados de diversas fontes de informação de domínio público, descobri outras ações judiciais em outras cidades. E o conjunto desses dados e informações, analisados de forma holística, permitiu identificar que esse cliente na realidade é devedor contumaz e não houve “negativação” circunstancial do nome dele em cartórios de protesto de títulos, como pode acontecer com todos nós, justa ou injustamente. E não é só! Data mining dos megadados acessados permitiram saber que mais da metade dessas cobranças eram de autoria de... Postos de combustíveis... Com o BIG DATA decido melhor se fecho negócio ou não.

Exemplo nº 2: Ganhei uma causa na Justiça mas não consigo encontrar bens do devedor para executar a dívida. Os autos do processo podem ser arquivados caso não encontre bens do devedor. O BIG DATA permitiu que soubesse que o devedor tem participações societárias (quotas sociais) em empresa de outro Estado da federação e linha telefônica instalada em outra cidade, e usei essa informação para pedir uma Certidão de matrícula (propriedade) do imóvel no local da instalação do telefone.

Só para você saber, esses exemplos foram baseados em casos reais da Montax Inteligência...


               

Veja uma lista de links úteis de consultas de dados cadastrais e acesso a informações sobre pessoas e organizações


A seguir, vou dar uma lista de links úteis de consulta on-line, on-time e full-time de pessoas e organizações para você não ser mais enganado pela aparência ou conversa das pessoas ou, se já foi fraudado, ideal para localizar pessoas, empresas e bens passíveis de penhora em ações judiciais de cobrança.

Consulte clientes, adversários ou concorrentes em cada uma dessas fontes de informações.

Segue a lista de links úteis, uma espécie de BIG DATA caseiro muito eficaz.

Dicas de sites para ações de Compliance & Mitigação de Riscos


1-       Pelo número do CNPJ, confirme a razão social, sede fiscal (endereço), telefone, e-mail, situação cadastral, Capital Social e sócios do fornecedor ou cliente no site de emissão do Comprovante de Inscrição e de Situação Cadastral da Receita Federal do Brasil;

2-       Descubra se a empresa tem Execuções fiscais, trabalhistas e previdenciárias e a listagem dessas Execuções no site de acesso à Certidão do Tribunal Superior do Trabalho (TST);

3-       Descubra se o cliente ou fornecedor tem dívidas fiscais federais pelo site da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional;

4-       Descubra quantos processo administrativos fiscais federais a pessoa responde no site do serviço de consulta e acompanhamento de processos do Ministério da Fazenda;

5-      Descubra se a empresa fornecedora ou cliente está regular com o FGTS da Caixa Econômica Federal no site de expedição do Certificado de Regularidade do FGTS – CRF;

Sites úteis à Busca & Recuperação de Ativos


6-       Descubra quem é o proprietário do Domínio de Internet no site da agência de registro de Domínios de Internet “.com.br”;

7-       Descubra quem é o proprietário de marcas, patentes de invenção e outros ativos intangíveis no site do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI);

8-       Descubra imóveis em cartórios de Registro de Imóveis da circunscrição, endereço de instalação de linhas telefônicas ou endereço de cadastro no IBAMA pelo site de acesso à Certidão Negativa de Débitos com o IBAMA;

9-       Descubra se a pessoa é usuária de patrimônio da UNIÃO Federal;

10-    Descubra se a pessoa tem participações societárias (quotas) de empresas no site de consulta de sócios;

Esses são alguns dos itens do briefing de pesquisa de bens e manual de treinamento dos Analistas de Inteligência, o livro “Inteligência & Indústria – Espionagem e Contraespionagem Corporativa”.

Assim como não precisamos mais comprar jornais para ler notícias que podem ser acessadas em sites de conteúdo on-line grátis – às vezes até melhores porque mais rápidas e imparciais -, podemos aplicar o mesmo princípio quando quisermos saber alguma coisa sobre alguém ou empresa. Saber tudo sobre todos.

Por que Internet é Melhor Que o SPC e Serasa?


Primeiramente, porque é de graça!

Segundo, enquanto que para consultar o SPC ou Serasa você precisa ter o CPF da pessoa ou CNPJ da empresa, na Internet e/ou BIG DATA você precisa apenas do nome completo.

SPC e Serasa – as mais famosas empresas de consulta cadastral do País – são empresas de serviços de informações de negócios para consultoria de risco e prevenção de fraudes no varejo que têm bancos de dados próprios ou compartilham dados da Receita Federal do Brasil, Juntas Comerciais, cartórios de Execuções cíveis e fiscais estaduais e municipais e cartórios de protesto de títulos. Não estão disponíveis Execuções trabalhistas e fiscais federais.

Na Internet, o usuário consultará quantos bancos de dados conhecer e formará o seu próprio BIG DATA (veja a lista de links acima). Empresas com convênios com agências, órgãos públicos de registro de pessoas, empresas e pendências financeiras costumam cobrar pelos serviços de informação em contratos anuais justamente porque celebraram acordos para disponibilizar informações de outros órgãos integradas numa só base de dados, num só relatório.

Na Internet e BIG DATA caseiro não existe essa integração: Usuário vai ter que garimpar um-a-um sites da Internet.

Outra vantagem competitiva da Internet e do BIG DATA caseiro é o acesso às ações ordinárias da Justiça, ações de conhecimento que não representam dívidas propriamente, bem como reclamações em sites de defesa do consumidor na esfera administrativa interna das companhias. Além do perfil da pessoa no Facebook, LinkedIn e Instagram. São dados e informações pessoais que às vezes revelam muito mais acerca do comportamento social e comprometimento do Ator (pessoa ou organização) com seus negócios.

Essas são soluções para o varejo, negócios e contratações em massa e baixo valor econômico.

Para consultoria de risco e prevenção de perdas em negócios de elevado valor econômico ou recuperação de ativos em casos complexos, existem empresas especializadas como Pinkerton, Kroll, Control Risks, FTI Consulting, ICTS Protiviti e outras, além da própria Montax Inteligência.

Para avaliação de negócios que não são nem tão baratos como a compra de um eletrodoméstico, mas, também não chegam a ser tão complexos nem de alto risco e investimento como a compra de um imóvel, a Montax Inteligência desenvolveu o Montax Big Data, um software robô de Consulta Cadastral da Era Digital. Enquanto as empresas de informações de negócios tradicionais se concentram em dados das Juntas Comerciais e cartórios distribuidores de Execuções cíveis, o BIG DATA da Montax tem foco em todo tipo de ações judiciais sejam elas quais for, nas empresas dos quais a pessoa pesquisada tem participações societárias, conforme dados públicos disponíveis pela Receita Federal do Brasil (RFB), bem como na reputação da pessoa ou empresa no ambiente web/Internet.  
Montax Big Data pode acessar informações estratégicas, identificar provas e produzir insights outrora impossíveis acerca de pessoas, empresas e ativos no Brasil porque realiza consultas eletrônicas simultâneas em vários bancos de dados como sites de Tribunais de Justiça e cartórios judiciais, diários oficiais, listas telefônicas, buscadores diversos, websites de cadastro de empresas e de organizações de defesa do consumidor.

As consultas no universo web/Internet são automáticas. Você/sua empresa não vão mais perder tempo com pesquisas. E poderão se dedicar a tarefa mais difícil e importante da estratégia de recuperação de ativos: Pensar.

É um modo eficaz de rastrear pessoas, empresas e bens e de verificação de antecedentes de candidatos a vagas de emprego, identificação da reputação dos fornecedores e clientes.

Cada Relatório de Inteligência Artificial (RIA) custa R$ 99,00;
Prazo de entrega: Aproximadamente 30min
Ideal para análise do risco e cobranças de baixo Valor Econômico;
Você deve consultá-lo AQUI www.montaxbrasil.com.br/bigdata

O Relatório de Inteligência Artificial (RIA) gerado pelo Montax Big Data ajuda departamentos jurídicos e de recursos humanos de empresas a conhecer melhor seus parceiros de negócios. O usuário poderá anexá-lo ao arquivo daquele empregado ou fornecedor, de modo que o diretor de Compliance jamais poderá acusar o Analista de imperícia técnica, imprudência na contratação ou negligência de investigação pré-contratual de terceiros.

E ajuda advogados de litígios a descobrir a localização de pessoas, empresas e bens para a recuperação de ativos desviados de fraudes. O BIG DATA da Montax pode alavancar as Execuções judiciais.


O cientista Nikola Tesla, menos famoso que Albert Einstein, Isaac Newton e Thomas Edison, porém, mais genial.

O Relatório de Inteligência Artificial Montax Big Data não fará de você nenhum Nikola Tesla, porém, com certeza entregará um mínimo de informação estratégica para melhor tomada de decisão acerca da contratação de empregados ou fornecedores ou gerar ideias novas acerca da localização de pessoas, empresas e bens.

Big Data & Inteligência Artificial não ameaçam, ajudarão com tarefas mais repetitivas e perigosas para que o ser humano se dedique à sua atividade mais nobre: Pensar.


Marcelo de Montalvão, diretor




Rio de Janeiro - RJ, Rua Figueiredo Magalhães, 387/801 - Copacabana - CEP: 22031-011
Telefone + 55 (21) 2143-6516
WhatsApp +55 (21) 99682-0489

Montax is a company offering Intelligence, Asset Searches & Investigations services with headquarters in Rio de Janeiro and researchers throughout Brazil. Montax provides national, foreign and global clients, with solid research and evidence to facilitate legal actions and other litigation support in judicial and regulatory proceedings.

Montax´s comprehensive reports helps search evidences and witnesses useful for the filing of lawsuits and admissibility of client´s arguments in corporate disputes — including background checks of competitors, while Montax’s forensics support services are essential to ensure successful submission of evidence and other testimony, including forensic accounting.


Um comentário:

  1. Muito bom o conteúdo desse artigo, resolveu meu problema, parabéns a Montax por compartilhar um material de tão grande importância e valioso.

    ResponderExcluir